COM A MEDIDA QUE MEDIRDES…

postado em: Blogs | 0

46614556-cartoon-angry-judge-cartoon-character-screaming-and-pointing-stock-photo-1

Na vida muitos tem se tornado legislador, promotor, juiz e verdugo ao mesmo tempo, só se esquecem de que o próximo passo será, inevitavelmente, tornarem-se réus, aí o que os espera é o cumprimento do que foi dito; com a medida com que tiverdes medido, vos medirão também.

Chega a ser assustador o fato de que os mesmos que clamam por justiça, punição, disciplina, correção, para os outros, mudam o seu discurso rapidamente para misericórdia, compaixão, compreensão, clemência, quando se tornam os alvos das acusações…. digo isto por experiência própria, muitas vezes bradei por punição aos culpados, mas quando eu mesmo me ví na posição de culpado, clamei por misericórdia…

Aprendi em uma cena do filme “a última das guerras”, “ quando você olha nos olhos do seu inimigo e vê a sí mesmo, a que preço, você compreende a misericórdia… sim só conseguiremos ter misericórdia se conseguirmos ver a nós mesmos nos outros.,, o que seríamos capazes de fazer se vivêssemos as circunstâncias em que os outros viveram? Confesso de que minha atitude para com a vida e os erros de outros mudou desde então.

Que faremos então, desistiremos da justiça, deixaremos as coisas correrem soltas? Não, de forma alguma, afinal por tardar a disciplina a disposição do coração do homem é má… já disse o Pregador em eclesiastes. Mas usaremos de justiça e disciplina, com misericórdia, entendendo que em nossa natureza carnal existe o potencial de fazermos coisas semelhantes caso tenhamos a oportunidade, só não o fazemos porque somos novas criaturas em Cristo e o mérito é dele e não nosso.

Minha casa será chamada de casa de oração, mas vós a transformastes em covil de ladrões e salteadores, assim disse Jesus do templo de Jerusalém. Penso que hoje também poderia ser dito;  vós a transformastes em um covil de juízes e acusadores…

Lembremo-nos com urgência que recebemos o ministério da reconciliação, por meio de Jesus Cristo, nosso advogado de defesa. que intercede por nós. O ministério de acusação é de nosso inimigo, o acusador dos irmãos, como dito no  livro do Apocalipse…

 

 

Deixe uma resposta